Postagens

O governo do vazio

Imagem
12:30
LIPOVETSKY, Giles. A era do vazio: ensaio sobre o individualismo contemporâneo. Prefácio de Manuel Maria Carrilho. Lisboa: Edições 70, 2016.
Doravante, tudo indica que o deserto é o conceito para compreender a sociedade contemporânea.
Um deserto paradoxal, de tipo inédito, sem catástrofe, sem inflamar, sem se identificar com o nada, sem trágico e nem apocalipse.
O mundo interior dirigido pelo próprio interior, introdeterminado  ou auto-absorvido, e não mais ou menos pelo Outro, extrodeterminado, dá lugar ao deserto, um novo tipo de personalidade, uma nova consciência indeterminada, disponível e flutuante.
O novo deserto é auto-absorvido, discreto, sem barreiras, indeterminado, bacana, indicativo, prático, sob medida, pacificado, caloroso, flexível, disponível e flutuante. ………………………………………………………………………………………………
Os grandes eixos modernos, a revolução, as disciplinas, o laicismo, a vanguarda, foram desafectados à força de personalização hedonista; o optimismo tecnológico e científco de…