Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2007

A invenção da Infância

Ética e Politica por Nilson Borges Filho

Imagem
Faça download do texto em pdf clicando no link acima.
Texto de julho de 1993.













Para ampliar a imagem clique nela.

Powered by ScribeFire.

Lançamento do livro "Estado, Direito e Ética"

Imagem
Juiz de Fora - Dia 17 de agosto de 2007. Na Semana Jurídica do curso de Direito da Faculdade Metodista Granbery do dia 14/08/2007 ao dia 17/08/2007 foi lançado o livro "Estado, Direito e Ética", organizado por Fernando Filgueiras e pelo professor Nilson Borges Filho, no Hotel Ritz (Av. Barão do Rio Branco, 2000), às 19:30. O livro é uma coletânea de artigos de vários autores. Entre eles, eu participo com um texto chamado Direito e Justiça.


O livro Estado, Direito e Ética – Ensaios Sobre Questões de Nossa Época é uma coletânea organizada pelos professores Nilson Borges Filho e Fernando Filgueiras.

A obra discute o papel do Direito e do Estado na construção de sociedades democráticas e voltadas para uma reinvenção da ética na política. O prefácio é de Luiz Werneck Vianna.

O lançamento do livro faz parte da programação de Semana Jurídica Granberyense.

O livro é o primeiro da Editora Granbery.


Powered by ScribeFire.

Trabalho e educaçao

A educação não pode ser mais vista como solução para os problemas sociais e econômicos da maioria da população, pois vivemos um projeto econômico que, embora precise do aumento educacional dos membros envolvidos nele, cada vez mais planeja crescer sem precisar aumentar significativamente o capital humano.

O discurso da empregabilidade nos dias atuais promovido pela escolas e por nossa sociedade passou a significar uma desvalorização do princípio universal do direito ao trabalho e, de forma associada, uma revalorização da lógica competitiva interindividual na disputa pelo sucesso num mercado estruturalmente excludente. Tal lógica contribue para diminição dos postos de trabalhos e para um aumento da carga de trabalho para os que estão empregados. Ao mesmo tempo instaura um ambiente ameaçador sobre os empregados, que os impedem de refletir abertamente sobre sua condição. Enfim, não existe mais uma política de produção de emprego em nosso país.

Pablo Gentili apresenta este argumento que p…

Ensino de sociologia e filosofia é obrigatório a partir do dia 21/08/2007

No próximo dia 21, vence o prazo para que os conhecimentos de
sociologia e filosofia sejam implantados como disciplinas obrigatórias
no currículo das redes pública e privada de ensino médio de todo o
país. Os conhecimentos eram tratados anteriormente como conteúdos
transversais, ensinadas em outras disciplinas, como história ou
geografia.

A resolução que instituiu as novas
disciplinas data de 16 de agosto de 2006 e foi publicada no dia 21 de
agosto. O Conselho Nacional de Educação (CNE) deu, então, aplicação
imediata à resolução, mas fixou um prazo máximo de um ano para que
estados e municípios pudessem cumprir a determinação.



Como o ensino médio é de responsabilidade dos estados, caberá aos
conselhos de educação estaduais a fiscalização da implantação das novas
disciplinas. Como foi dado o prazo de um ano, as escolas tiveram o
início do ano letivo de 2007 e as férias de julho para implementar as
matérias em suas grades curriculares.



O Ministério da Educação (MEC) auxiliará professores e escolas com …