Pensamento e ação

Pensamento e ação andam juntos. Entretanto, a ação é mais valorizada do que o pensamento. A prática, a ação concreta é tida como realizadora e o pensamento como sonhador. Ora, a ação que impede o pensamento de se expressar é enganadora. Não quer ser questionada. Não quer que reconheçamos qual é o seu objetivo. Não há separação entre teoria e prática. Por isso, precisamos sempre perceber qual é a teoria que justifica a prática. Perceber como percebemos as coisas. Reconhecer os limites de nossa maneira de perceber as coisas. E, buscar perceber mais, ir além, transcender, transformar. Assim todos ganham. Ao contrário, um só ganha.
Pensem.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Projeto de pesquisa: o que é hipótese e marco teórico

Projeto de pesquisa: construindo o marco teórico

História do Direito: O direito grego antigo.