Humildade

Humildade é tomada de consciência dos limites, em todos os sentidos, e jamais pode ser confundida com fraqueza.

Humilde é um homem que se reconhece temporariamente sem poder e continua trabalhando com os recursos que dispõe. Ao mesmo tempo, o humilde se mostra o que é e o que pode, sem se mostrar acomodado e conformado com sua situação, procurando recursos cada vez maiores para continuar trabalhando, respeitando cada vez mais as coisas e os outros. O humilde não é alijado para sempre do poder, ele percebe que seu poder foi circunstancialmente esvaziado. Este esvaziamento é bom, pois torna o homem sempre mais humano, mais educado, mais respeitador. O torna mais gente, desde que o homem não veja este esvaziamento como sendo sua natureza, levando-o ao conformismo e a depressão. Humildade não significa perda de amor próprio, aliás o humilde preserva seu amor próprio. O humilde é simples. Nao faz nenhum sentido você diminuir o seu poder em nome da humildade. Você reconhece a diminuição do seu poder, mas nunca trabalha para diminuí-lo ainda mais. Isto não faz nenhum sentido. Não devemos confundir humildade também com simpatia. Quando alguém pede para sermos humildes pede na verdade que tomemos consciência de nossos limites e do limite do outro, que voltemos a oferecer o que de fato podemos dar, extrair dos outros o que eles podem de fato nos oferecer, que sejamos mais respeitosos e menos arrogantes com tudo e com todos ao nosso redor. Aqui cabe uma observação sobre a relação entre o falso amigo e o uso da palavra humildade. Só o falso amigo compreende errado o que é humildade. O falso amigo usa a palavra humildade sempre no sentido errado. O sentido errado da palavra humildade tem o poder de deprimir e rebaixar as pessoas, tornando as menos respeitosas. O uso errado da palavra humildade cumpre o objetivo de dominar ou diminuir a força das pessoas, deixando-as mais vulneráveis. (LHE)

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Projeto de pesquisa: o que é hipótese e marco teórico

Projeto de pesquisa: construindo o marco teórico

História do Direito: O direito grego antigo.